Botafogo Hoje
Foto: Victor Silva
Botafogo Brilha e Vence Atlético-MG com Show de Luiz Henrique e Savarino
PÓS-JOGO

Botafogo Brilha e Vence Atlético-MG com Show de Luiz Henrique e Savarino

  • Home >
  • Notícias do Botafogo

Glorioso encurta a distância para o líder Flamengo no Brasileirão-2024.

Data Publicação:08/07/2024
Compartilhar no:
  • compartilhar no whatsapp
  • compartilhar no facebook
  • compartilhar no twitter

Na noite de domingo, 7 de julho de 2024, o Estádio Nilton Santos foi palco de uma exibição de gala do Botafogo, que venceu o Atlético-MG por 3 a 0, com gols de Luiz Henrique e Savarino. A vitória manteve o Glorioso na segunda posição do Brasileirão e diminuiu a diferença para o Flamengo, líder da competição, para apenas um ponto. Confira os detalhes desse jogo emocionante e as consequências para a tabela do campeonato.

O Início Eletrizante do Botafogo

O Botafogo entrou em campo com força máxima e não perdeu tempo para mostrar sua intensidade. Aos 12 minutos, Luiz Henrique abriu o placar com um golaço de perna esquerda, após um passe preciso de Danilo Barbosa. O chute indefensável deu o tom do que seria o restante da partida.

A Vantagem Numérica

Aos 23 minutos do primeiro tempo, o jogo tomou um rumo decisivo quando Igor Rabello, ex-zagueiro do Botafogo, foi expulso por derrubar Luiz Henrique em uma clara oportunidade de gol. Com um a menos, o Atlético-MG viu suas chances de reação diminuírem drasticamente, e o Botafogo passou a controlar ainda mais a partida.

Controle Absoluto e Golaços

No segundo tempo, o Botafogo dominou o jogo com inteligência, sem se expor desnecessariamente. Aos 33 minutos, Cuiabano ampliou a vantagem com um forte chute de perna esquerda, após um cruzamento de Damián Suárez. A noite ainda reservava mais uma emoção para os torcedores alvinegros: já nos acréscimos, Savarino acertou um lindo chute de fora da área, selando a vitória por 3 a 0 e confirmando a "Lei do Ex".

Consequências para o Campeonato

Com a vitória, o Botafogo alcançou 30 pontos, superando o Palmeiras no saldo de gols e se consolidando na vice-liderança do Brasileirão. O Flamengo, que empatou com o Cuiabá, está apenas um ponto à frente. A disputa pelo título está mais acirrada do que nunca, e o próximo desafio do Glorioso será contra o Vitória, fora de casa.

Próximos Jogos do Botafogo

O Botafogo enfrentará o Vitória na próxima quinta-feira (11/7), às 21h30, no Barradão. Em seguida, o time terá um confronto direto contra o Palmeiras, no dia 17, às 21h30, no Estádio Nilton Santos.

Ficha Técnica

BOTAFOGO 3 X 0 ATLÉTICO-MG
Estádio: Nilton Santos
Data-Hora: 7/7/2024 – 20h30
Árbitro: Rafael Rodrigo Klein (Fifa/RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa/RS) e Jorge Eduardo Bernardi (RS)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (VAR-Fifa/SP)
Renda e público: R$ 910.175,00 / 19.343 pagantes / 21.582 presentes
Cartões amarelos: Bastos e Tiquinho Soares (BOT); Palacios (CAM)
Cartões vermelhos: Igor Rabello 23’/1ºT (BOT)
Gols: Luiz Henrique 12’/1ºT (1-0), Cuiabano 33’/2ºT (2-0), Savarino 48’/2ºT (3-0)

BOTAFOGO: John; Damián Suárez, Bastos, Alexander Barboza e Cuiabano; Danilo Barbosa (Tchê Tchê 11’/2ºT), Marlon Freitas (Gregore 26’/2ºT) e Eduardo (Savarino 26’/2ºT); Luiz Henrique (Óscar Romero 37’/2ºT), Tiquinho Soares (Kauê 37’/2ºT) e Júnior Santos – Técnico: Artur Jorge.

ATLÉTICO-MG: Matheus Mendes; Igor Rabello, Bruno Fuchs e Battaglia; Otávio, Alan Franco, Paulo Vitor (Palacios 26’/2ºT) e Gustavo Scarpa; Cadu (Vargas 26’/2ºT), Hulk e Paulinho (Vitinho 45’/2ºT) – Técnico: Gabriel Milito.

Notas dos Jogadores do Botafogo

JOHN: 6,5
Quase sem trabalho, foi ameaçado apenas em chutes de longe, como uma falta de Hulk no travessão.

DAMIÁN SUÁREZ: 7,5
Experiência e qualidade. Joga firme, corta caminhos e encontra atalhos para atacar. Participou dos dois primeiros gols do Botafogo.

BASTOS: 7,0
Marcação séria, segura e sóbria. Mesmo tendo levado um cartão no início.

ALEXANDER BARBOZA: 8,0
Colocou Hulk no bolso. Partida de muita imposição contra o Atlético-MG.

CUIABANO: 8,5
Excelente jogo, ataque constante e um bonito gol.

DANILO BARBOSA: 7,5
Inteligente na leitura de jogo e no controle de bola. Deu passe no primeiro gol e fez desarme no lance da expulsão de Igor Rabello.

MARLON FREITAS: 7,5
Ditou o ritmo no meio, com a qualidade habitual.

EDUARDO: 6,5
Se movimentou, acelerou passes e tentou jogar. Uma cobrança de falta perigosa.

LUIZ HENRIQUE: 9,0
Ganhou o jogo. Fez um golaço e gerou uma expulsão do adversário. Possivelmente sua melhor partida com a camisa do Botafogo até hoje.

JÚNIOR SANTOS: 6,0
Lutou bastante e deu algum trabalho, mas sem estar inspirado. Pareceu perdido entre a ponta e o meio.

TIQUINHO SOARES: 6,0
Primeiro tempo de participação, pivô, bons passes e muitas faltas sofridas. Está faltando mais fome de gols e de atacar.

TCHÊ TCHÊ: 6,0
Compôs o meio de campo e distribuiu bem os passes.

GREGORE: 6,5
Deu mais força e vigor no meio-campo. Bom passe no gol de Savarino.

SAVARINO: 8,0
Bem nos espaços entre linhas, se movimentando e achando soluções. Fez um belo gol no fim do jogo.

KAUÊ: 6,0
Entrou com vontade, mas perdeu uma boa chance no segundo tempo.

ÓSCAR ROMERO: 5,5
Uma cobrança de falta defendida pelo goleiro. Não conseguiu produzir tanto.

ARTUR JORGE: 7,5
O Botafogo dominou o jogo todo e mereceu vencer o Atlético-MG. Não precisava era do risco antes de fazer o segundo gol. Parece entender cada vez melhor o elenco.

autor

Por Thiago Guedes

instagram do thiago guedeslinkedin do thiago guedes
Sou Thiago Guedes, Jornalista e Publicitário. Fiz da internet o meu país e nas minhas redes sociais não coloco ninguém em vacilo. Aqui no portal, servimos bem para servirmos sempre! Você confere todas as noticias do Botafogo, os jogos do Botafogo hoje, horário do jogo do Botafogo, classificação e tabela completa atualizada e muito mais!

Últimas Notícias do Botafogo