Botafogo Hoje
  • Home >
  • Notícias do Botafogo

Como Ajudar as Vítimas das Enchentes no RS; CBF descarta paralisar Brasileirão

Grêmio, Internacional e Juventude têm seus jogos adiados devido aos impactos das inundações no estado, e CBF anuncia ajuda humanitária

Data Publicação07/05/2024
Compartilhar no:
  • compartilhar no whatsapp
  • compartilhar no facebook
  • compartilhar no twitter

Como Ajudar as Vítimas das Enchentes no RS; CBF descarta paralisar Brasileirão

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) decidiu não suspender o Campeonato Brasileiro-2024, apesar da tragédia das chuvas que devastaram o Rio Grande do Sul, afetando os clubes Grêmio, Internacional e Juventude. A decisão foi anunciada na segunda-feira, 6 de maio, pela ESPN.com.br.

Os três clubes tiveram suas partidas adiadas no último fim de semana. Além disso, os jogos Atlético-MG x Grêmio (11 de maio) e Internacional x Juventude (13 de maio), pela sexta rodada do Brasileirão, também foram adiados.

Impactos e adiamentos futuros

É provável que os próximos jogos das equipes gaúchas, marcados para 18 e 19 de maio, também sejam adiados. A Conmebol já postergou os compromissos de Grêmio e Internacional na Libertadores e na Sul-Americana.

Planos e considerações da CBF

O comentarista Carlos Eduardo Lino, do SporTV, revelou que a CBF estuda opções como estender o calendário e usar datas FIFA para realizar os jogos adiados. A entidade avalia até a possibilidade de implementar uma "bolha" para que os clubes do Rio Grande do Sul possam jogar em segurança.

Drama da dupla Gre-Nal

A Arena do Grêmio e o Estádio Beira-Rio estão alagados, enquanto o Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre, segue fechado. A suspensão dos voos deve permanecer, pelo menos, até 30 de maio. Sem poder treinar devido à situação de calamidade na capital gaúcha, os clubes enfrentam desafios logísticos.

Conforme a Defesa Civil, há 83 mortos, 111 desaparecidos, 291 feridos e mais de 149 mil desabrigados em todo o estado.

A CBF oferece ajuda às vítimas

Em solidariedade, a CBF anunciou a doação de R$ 1 milhão por meio de uma plataforma de doações e mais R$ 1 milhão em medicamentos, em parceria com a Cimed. A prioridade é prestar socorro à população afetada.

Jogador do Botafogo arrecada fundos

O volante Danilo Barbosa, do Botafogo, lançou uma rifa nas redes sociais para ajudar as vítimas no Rio Grande do Sul. Ele sorteará uma camisa autografada do clube para os doadores, com o valor mínimo de R$ 25 por participante. O objetivo é arrecadar R$ 20 mil para a compra de alimentos, materiais de higiene e outros suprimentos.

Enchentes no Rio Grande do Sul: Guia Completo para Ajudar as Vítimas da Tragédia

Recentemente, o Rio Grande do Sul foi palco de uma das mais severas sequências de temporais de sua história, afetando diretamente mais de 850 mil pessoas. Até o momento, a Defesa Civil estadual confirmou 83 mortos, 111 desaparecidos e 276 feridos. O número de desalojados já soma 121.957, enquanto 19.368 pessoas foram acolhidas em abrigos públicos.

Como você pode ajudar

Itens necessários

A Defesa Civil está arrecadando doações essenciais para aliviar o sofrimento dos afetados. Entre os itens mais necessários estão:

  • Colchões (novos ou em bom estado)
  • Roupa de cama e banho (higienizados)
  • Cobertores (higienizados)
  • Água potável
  • Ração animal
  • Cestas básicas fechadas

As doações podem ser entregues no Centro Logístico da Defesa Civil Estadual, localizado na avenida Joaquim Porto Villanova, 101, bairro Jardim Carvalho, em Porto Alegre. Atualmente, há restrições para a recepção de roupas, calçados, medicamentos e móveis.

Organizações para doações financeiras

ADRA Brasil

Participe da Carreta Solidária da ADRA Brasil, fazendo doações via PIX: [email protected]. Esta organização humanitária atua em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social para gerenciar os abrigos em Porto Alegre.

Correios

Os Correios de vários estados, incluindo São Paulo e Paraná, estão recebendo doações que serão enviadas gratuitamente para as vítimas. As agências aceitam alimentos não perecíveis, produtos de higiene pessoal e itens de vestuário.

Cáritas

Contribua para a Cáritas via PIX ou depósito bancário para a conta 55.450-2 / Agência 1248-3 do Banco do Brasil, parte da "Missão Sementes de Solidariedade: Emergência".

Outras formas de ajudar

Cufa (Central Única das Favelas)

A Cufa está arrecadando e distribuindo doações para os afetados pelas enchentes. Faça sua doação via PIX: [email protected].

Grad (Grupo de Resposta a Animais em Desastres)

Auxilie animais e pessoas em situações vulneráveis através do Grad, que está organizando a Operação Rio Grande do Sul. Contribua via PIX ou PagSeguro.

Voluntariado e apoio contínuo

Para aqueles interessados em oferecer seu tempo e habilidades, a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil do Rio Grande do Sul está recrutando voluntários para diversas tarefas de apoio. 

Outras informações sobre as enchentes no Rio Grande do Sul

  • A situação das enchentes no Rio Grande do Sul permanece crítica após um ciclone extratropical recente, que trouxe fortes chuvas e inundações. O estado declarou calamidade, e o número de mortos subiu para 32, com mais de 5.000 pessoas deslocadas ou desabrigadas.
  • As operações de resgate continuam, com helicópteros sendo usados para evacuar residentes isolados pelas inundações. No entanto, as condições severas de alagamento têm dificultado os esforços de resgate aéreo, complicando a evacuação. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva prometeu apoio total, trabalhando com o governo estadual para controlar a crise.
  • Para ajudar, as necessidades imediatas incluem itens essenciais, como água potável, produtos de higiene e alimentos. As doações financeiras são cruciais para a reconstrução e apoio das milhares de pessoas afetadas. As contribuições podem ser direcionadas para organizações locais de ajuda a desastres e iniciativas que estão coordenando os recursos diretamente na área.
  • O pedido de suspensão de 20 dias das partidas por parte de Grêmio, Internacional e Juventude foi formalizado por meio da Federação Gaúcha de Futebol. A solicitação vem em decorrência das graves enchentes que afetaram as infraestruturas esportivas e a segurança na região, tornando a realização dos jogos inviável. A Arena do Grêmio e o estádio Beira-Rio, do Internacional, estão submersos, com fotos dos danos circulando nas redes sociais.
  • A tragédia vai além dos estádios, afetando toda a comunidade. O número de mortos pelas enchentes já passa de 83, com mais de 100 desaparecidos e dezenas de milhares de pessoas desalojadas. As autoridades locais e os clubes estão focando no apoio humanitário e pedindo doações. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) avalia como reagendar as partidas adiadas.
  • Além disso, o aeroporto Salgado Filho, de Porto Alegre, permanece fechado, com voos suspensos até segunda ordem. A logística de transporte está comprometida, impossibilitando os três clubes de viajarem para partidas e treinos​ (Yahoo News - Latest News & Headlines)​​ (The Brazilian Report)​.
  • O estádio do Grêmio foi saqueado após a enchente, gerando indignação entre torcedores e autoridades. A Conmebol já adiou os jogos internacionais de Grêmio e Internacional para garantir a segurança.
autor

Por Thiago Guedes

instagram do thiago guedeslinkedin do thiago guedes
Sou Thiago Guedes, Jornalista e Publicitário. Fiz da internet o meu país e nas minhas redes sociais não coloco ninguém em vacilo. Aqui no portal, servimos bem para servirmos sempre! Você confere todas as noticias do Botafogo, os jogos do Botafogo hoje, horário do jogo do Botafogo, classificação e tabela completa atualizada e muito mais!

Últimas Notícias do Botafogo