Botafogo Hoje
  • Home >
  • Notícias do Botafogo

Ao SporTV, André Mazzuco comemora contratação de Bruno Lage

Diretor executivo de futebol deu entrevista ao canal da Globo

Data Publicação:11/07/2023
Compartilhar no:
  • compartilhar no whatsapp
  • compartilhar no facebook
  • compartilhar no twitter

Ao SporTV, André Mazzuco comemora contratação de Bruno Lage

O diretor executivo de futebol do Botafogo, André Mazzuco, deu entrevista ao canal SporTV. Ele comentou e comemorou o acerto do Glorioso com o técnico português Bruno Lage.

Veja também: André Mazzuco exalta Botafogo, fala sobre Reebok e explica estratégia na janela.

Entrevista André Mazzuco - SporTV - 10/07/2023

Confira a entrevista de André Mazzuco ao SporTV e o que o diretor achou sobre o acerto com Bruno Lage, novo treinador do Botafogo.

Chegada de Bruno Lage

Deixamos claro para o Luís, ele mesmo foi muito profissional ao dizer da possibilidade da saída, o que nos permitiu buscar um plano B. Foi feito em conjunto com o próprio Luís, até porque você não tem muito tempo. Não podia criar ruído grande nessa mudança. Fomos bem-sucedidos porque foi tudo rápido, já tínhamos planejamento de jogos, o que termina com vinda do Bruno.

A lábia é possível quando você realmente tem algo para atrair. O projeto. O papel do John Textor é fundamental, é o dono do clube, uma liderança presente, tem grande influência no mercado. O Botafogo resgatou muito o crédito como clube, se estruturou, mostrou evolução em todos os setores, profissionalização. Passamos por dois momentos cruciais, ano passado e esse ano, onde dentro do que acreditávamos mantivemos o comando técnico em cenário externo desfavorável. As pessoas começam a entender que temos uma maneira de trabalhar, um planejamento, que dá segurança no trabalho. Sai o treinador, mas mantemos o que construímos, não mudou o dia a dia, as regras, o planejamento. Dentro do nosso ideal, seria realmente trazer um treinador de ponta, que pudesse dar continuidade ao nível de profissionalismo, com conteúdo, qualidade e posicionamento de mercado. Isso é importante para a marca Botafogo. O próprio movimento do Cláudio Caçapa foi importante, é um profissional que conhecemos, estava no Lyon, foi rápido para agregar, utilizando nossa ferramenta multiclubes. A vinda do Bruno é para coroar essa ideia e trazer treinador de ponta, que pudesse estar conosco e entender que o Botafogo pode entregar a ele algo bom. Pega clube organizado, elenco sólido e liderança importante na competição para dar continuidade ao que temos feito.

Confira mais declarações de André Mazzuco após a Publicidade.

Hoje você ter uma holding que coordena os trabalhos é interessante, porque você acaba navegando em várias atmosferas. Esse ano tivemos reunião para falar do Molenbeek. Importante também para treinador, mesmo com experiência enorme de Premier League. Luís (Castro) foi um diretor-técnico, o que deu a ele condição de conhecer sobre base, sobre processo de formação. Quando vira treinador, isso ele carrega, o que facilita na ida para os clubes. É o que acreditamos. Alessandro (Brito) e eu também viemos da base, temos isso na veia. É o que o Botafogo precisa, mais do que solidez na equipe profissional que traga resultados, é também o processo de formação. É um processo paralelo, mas ativo, que vai demorar mais tempo porque o Botafogo precisa de mudanças estruturais profundas. Bruno (Lage) vem desse processo de formação também, importante essa visão macro, sistêmica, vai ser assim com todos os treinadores. O Botafogo tem condição de entregar a um treinador o que o clube quer. Se um candidato não acreditar nisso, precisamos passar para o próximo. Dependemos cada vez menos das pessoas, temos tranquilidade para buscar os melhores profissionais. Acho que isso seduz também o treinador, o clube é consciente, vai combinar antes, isso realmente atrai. O mercado brasileiro é maravilhoso, pecamos em não resgatar tanto isso. Olha o que aconteceu com o Luís, é importante para o profissional. É um desafio, mas também é algo bastante atrativo.

André Mazzuco

 

Não foi uma exigência, foi uma forma. Sempre pensamos na continuidade, mas entendemos o momento e as aspirações do Bruno, é a primeira vez que vem para o Brasil. Como temos processos instalados, não haveria problemas em fazer essa primeira etapa. Hoje ele faz parte da Eagle, sentamos, conversamos, definimos. Primeiro queremos cumprir essa missão de 2023, depois tudo pode acontecer.

Estilo de jogo do novo treinador

Esse é o grande questionamento que ouvimos. Tivemos cuidado grande nesse processo de transição, de manter o equilíbrio que já existia com Luís (Castro) e trazer treinador que entendesse esse contexto. Foi assim desde o início com Bruno (Lage), as tratativas com John (Textor) e quando o apresentamos o clube. Temos processos criados, propósitos, que não dependem das pessoas. Podemos entregar o que o clube está fazendo para o treinador nos ajudar com a continuidade. É de altíssimo nível, vai dar toque pessoal, mas vai receber clube muito organizado, que sabe o que tem feito e quer caminhar até o fim da temporada. 

Confira mais declarações de André Mazzuco após a Publicidade.

Cláudio Caçapa

Desde a saída do Luís, nossa intenção era deixar a transição o mais leve possível. Nos beneficiamos de ser uma plataforma multiclubes, Cláudio já conhecia o clube, Lucio Flavio é treinador do sub-23. Trouxemos Cláudio para se juntar na transição, de dois, três ou quatro jogos, para conduzir da melhor forma. Entregamos o que esperávamos, ele não tem cobrança como treinador, é um condutor dessa transição. É um ser humano fantástico, trouxe a leveza que precisávamos. A saída do Luís surpreendeu, mas vida que segue. Tocamos em frente nos jogos. Para Cláudio seguir e passar o bastão da mesma forma para o Bruno. 

Nós já estávamos encaminhados (com Bruno Lage). Fomos muito tranquilo com o Cláudio no sentido de tê-lo emprestado pelo Lyon. Também por ele já nos conhecer, tivemos rotina próxima, foi fácil acomodar e assumir a equipe. Foi o equilíbrio que precisávamos nessa sequência.

Sondagem por Tiquinho

Tiquinho naturalmente tem sondagens sim, os números são excelentes, todo mundo o conheceu mais ainda. Está fazendo a diferença. Está muito feliz aqui, tem sondagens, mas é nosso artilheiro e é fundamental para a caminhada.

Não é nossa intenção. Estamos realmente muito focados nesse ponto, os atletas sabem disso. Temos vantagem de ambiente muito bom, todo mundo acredita no que pode fazer, brigando até o final. Não é qualquer situação que tiraria. É nosso desafio mesmo, mas não é intenção perder essa solidez que construímos, é o que está nos levando a estar brigando na parte de cima.

Confira mais declarações de André Mazzuco após a Publicidade.

Lage pedirá reforços?

O primeiro contato com o grupo vai ser a partir de quinta-feira, quando retornamos da Argentina. Temos planejamento estabelecido, ele vem para nos ajudar no que está elencado para a temporada. Não é questão de pedir reforço, é trabalho em conjunto, temos um grupo pensado para a temporada. Podemos ter uma ou outra necessidade, mas não vem com pedido específico. É tudo acordado antes. O mais importante é se juntar a nós, iniciar o trabalho com o grupo, temos repertório interessante. O maior trunfo foi ter virado a temporada com mesmo elenco e mesmo treinador, está nos dando solidez competitiva. A ideia do Bruno é realmente essa condução em cima do que temos de elenco. 

Contrato do novo treinador

É uma primeira etapa. Nada impede que seja nosso treinador para a sequência. Vem de mercado de nível altíssimo, é um privilégio poder contar com ele. Temos esse primeiro desafio. A partir disso vamos entender o futuro de cada um, nada impede uma parceria para o ano que vem. 

Formação do elenco

Tivemos pouco tempo ano passado na primeira janela, assumimos faltando seis semanas. Precisávamos de um elenco mais forte para sustentar a Série A até a segunda janela. A primeira medida foi montar um departamento de scout, com profissionais qualificados, o Alessandro Brito veio junto comigo. É um núcleo muito importante. Foi nosso trabalho mais minucioso na definição de perfil e qualidade de atletas. Conseguimos equilibrar todas as posições. Temos um exemplo bacana que é o Segovinha, foge do perfil, mas com qualidade técnica impressionante. Conseguimos otimizar. Não temos elenco tão longo, mas entrega muito dentro do que esperávamos. Usamos as janelas para realmente criar essa solidez que conseguimos. Trabalho diário, do Luis, grupo muito coeso, ajudam demais na mentalidade competitiva que implantamos no clube. 

Confira mais declarações de André Mazzuco após a Publicidade.

Sul-Americana

Hoje criamos uma condição para os atletas que conseguimos gerenciar as duas competições e o jogo a jogo. Não usamos um ou outro atleta por questão pontual, não por poupar. Uma das qualidades foi ter a reposição em nível muito próximo. As trocas estão trazendo qualidade. Isso nos deixa tranquilos. Sabemos que quem entrar vai dar continuidade na entrega que temos. 

Título do Brasileirão

Procuramos trazer a euforia do torcedor como energia positiva. O grupo é muito profissional, muito competente e muito competitivo. Acreditamos no que podemos fazer, vamos brigar pelo título até o final. É a mentalidade, acreditar sempre. Vamos brigar até o final para buscar o que pudermos no Brasileiro e na Sul-Americana. 

autor

Por Thiago Guedes

instagram do thiago guedeslinkedin do thiago guedes
Sou Thiago Guedes, Jornalista e Publicitário. Fiz da internet o meu país e nas minhas redes sociais não coloco ninguém em vacilo. Aqui no portal, servimos bem para servirmos sempre! Você confere todas as noticias do Botafogo, os jogos do Botafogo hoje, horário do jogo do Botafogo, classificação e tabela completa atualizada e muito mais!

Últimas Notícias do Botafogo